Bordalo II nas paredes de Sintra

O conhecido artista Bordalo II está agora representado em Sintra numa das fachadas das instalações oficinais dos Serviços Municipalizados de Água e Saneamento, em Ouressa.

Artur Bordalo, mais conhecido como Bordalo II ou Bordalo Segundo, nascido em Lisboa em 1987 é um artista plástico, neto do também pintor Artur Real Chaves Bordalo da Silva conhecido como Bordalo.

A sua arte baseia-se na utilização de resíduos urbanos, guiado pelo lema «o lixo de um pode ser o tesouro de outro». Tomando como ponto de partida o graffiti empregando pintura em spray, usa objetos abandonados, desperdícios e refugos procedentes de obras, ruínas de edifícios, carros e fábricas, entre outros, misturando-as para criar um novo objeto artístico. Pretende deste modo denunciar uma sociedade «extremamente consumista, materialista e avarenta» e promover a «sustentabilidade, consciência ecológica e social». Como consequência, os seu graffitis são tridimensionais, ultrapassando em muitas ocasiões os limites do plano, convertendo-se em baixos-relevos e altos-relevos.